13 de julho de 2011

Perdida no teu aroma...

Moldo-te… desenho-te!
Deixo-me cair no abismo de mim...
Entre as paredes da minha oblacção
Entre os espaços esguios das minhas mãos errantes,
Que bailam ao sabor dos teus beijos… mortais,
Indeléveis, fatais, em tons de carmim
Que caiem como fragmentos suspensos do passado
Rodeias-me de palavras inocentes, num círculo vicioso, atónito
De conjugações profanas, num tormento sem (ar)rasto
Presa entre as correntes dos devaneios infligidos pela ternura
Dos sacrilégios invulgares provocados no sagrado altar
Do teu corpo, onde os meus dedos cometem pecados
Como fantasmas ancorando num porto sem destino,
De um qualquer universo perdido no ar que respiro (s)em ti!
Transfiguro a matéria viva do meu ser
Esse vulto (im)perfeito, incrustado no meu pensamento
Na luz dos teus olhos, brilhantes, iluminados
Desvirtuando a realidade perfeita onde te vestes de mim
O sangue fervilha-me na carne quente, sedenta, lasciva
Dessa maldição enviada pelos Titãs do Olimpo
Tornas-te na bebida mais doce, o mel onde me besunto
Doce tentação, louvor da minha alma
(im)pura, que se (re)veste de segredos e fantasias
Adocicadas pela impiedosa inocência
Desta queda (in)certa dos prazeres oferecidos
Adormeço em ti!

7 comentários:

Lost Soul disse...

Dá gosto ler o que escreves. Intenso e belo!


beijo
(de um "nemo")

Valentina Dark disse...

Olá belo blog
palavras belissimas parabéns!
Estou a procura de novas amizades!!
Da uma passadinha la
no meu blog e ve o que axa!
Um abraço Valentina!

Secreta disse...

Susti a respiração ao ler-te! Adorei! :)

Malu disse...

Adormecer em meio ao aroma do ser que amamos...
Como isto é bom, minha amiga...
Vir aqui é descobrir esta forma intensa de se desvendar e amar alguém.
Lindo!
Abraços

Sotnas disse...

Olá Sus, que tudo permaneça bem contigo!

Sempre postando belíssimos escritos, e repletos de sentimentos tão intensos que me faz viajar nas belas e sentidas palavras que por aqui leio.
E teu espaço sempre agradável de visitar e admirar as belíssimas imagens que encimam teus belos escritos, muito bom por cá estar!
E agradecendo tuas visitas eu desejo que você e todos ao redor sejam sempre deveras felizes, enorme abraço e até mais!

A.S. disse...

Sus... quanta beleza poética neste teu texto!...


Beijos...
AL

vendedor de ilusão disse...

Magnífica prosa poética; encantou-me!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...